Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020

ECONOMIA
Publicada em 14/09/20 às 19:45h - 24 visualizações
Prefeituras vão receber royalties por impactos nas próximas horas
Cofres já tinham sido irrigados com Cfem na última quinta; agora, aqueles com direito à parcela por serem afetados por estruturas de mineração vão ganhar mais uma pontinha. Marabá lidera.

Jornal O Niquel



Vinte e duas prefeituras paraenses vão embolsar logo mais uma fatia da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem) destinada aos municípios que são diretamente afetados pela atividade da indústria extrativa e suas instalações. O Blog do Zé Dudu apurou que nesta segunda-feira (14) a Agência Nacional de Mineração (ANM) liberou a cota-parte dos royalties que vão irrigar a conta bancária dos beneficiários.

A Prefeitura de Marabá, que acordou na última quinta-feira (10) com R$ 7.168.359,41 na conta pela Cfem decorrente de exploração de minérios como cobre e manganês em julho, agora vai receber R$ 2.894.426,49 por ser afetada por estrutura de mineração. É que Marabá é impactado pela lavra de minério em Parauapebas, de onde parte a Estrada de Ferro Carajás (EFC) que corta de verticalmente o território marabaense. No frigir dos ovos, são R$ 10 milhões no mês apenas em royalties de mineração.

Nos cálculos do Blog, quando a Cfem deste mês estiver consolidada no balanço contábil da prefeitura, Marabá terá arrecadado apenas com essa receita até o final de setembro cerca de R$ 83 milhões, praticamente o valor previsto no orçamento local para o ano inteiro (R$ 83,1 milhões). Os royalties marabaenses devem ultrapassar, pela segunda vez, a marca de R$ 100 milhões este ano.

Também pelas mesmas razões que Marabá, o município de Bom Jesus do Tocantins, devassado pela EFC, vai receber nas próximas horas R$ 1.086.890,67 em royalties. A pacata cidade de prefeitura com receita pequena viu a arrecadação saltar entre 20% e 25% desde 2019 com a entrada do Cfem nos cofres. Antes, não recebia uma fagulha.

Além dos dois milionários que se afortunam nos trilhos da EFC, as prefeituras de Almeirim (R$ 324.363,38), Água Azul do Norte (R$ 153.136,49), Barcarena (R$ 146.077,31), Ourilândia do Norte (R$ 101.577,18) e Cumaru do Norte (R$ 101.211,70) vão receber valores que ultrapassam R$ 100 mil. Confira quanto cada governo municipal paraense vai faturar nas próximas horas.

  • MARABÁ: R$ 2.894.426,49
  • BOM JESUS DO TOCANTINS: R$ 1.086.890,67
  • ALMEIRIM: R$ 324.363,38
  • ÁGUA AZUL DO NORTE: R$ 153.136,49
  • BARCARENA: R$ 146.077,31
  • OURILÂNDIA DO NORTE: R$ 101.577,18
  • CUMARU DO NORTE: R$ 101.211,70
  • PARAUAPEBAS: R$ 33.711,06
  • TOMÉ-AÇU: R$ 28.793,62
  • ELDORADO DO CARAJÁS: R$ 18.486,14
  • ACARÁ: R$ 17.143,47
  • IPIXUNA DO PARÁ: R$ 16.291,74
  • MOJU: R$ 13.753,82
  • ABAETETUBA: R$ 8.903,77
  • SÃO FÉLIX DO XINGU: R$ 1.664,94
  • SANTANA DO ARAGUAIA: R$ 1.166,39
  • PALESTINA DO PARÁ: R$ 498,67
  • OEIRAS DO PARÁ: R$ 380,01
  • AVEIRO: R$ 159,37
  • SÃO GERALDO DO ARAGUAIA: R$ 60,71
  • ITAITUBA: R$ 54,10
  • SANTA LUZIA DO PARÁ: R$ 20,15



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


(94)99105 2029

Videos

ANIVERSARIANTES DO MÊS
Parabéns Vanessa 07 de Setembro
Cidade: Ourilândia do Norte
OUVINTE DO MÊS
Estatísticas
Visitas: 319668 Usuários Online: 101


Downloads de Arquivos

Copyright (c) 2020 - Jornal O Niquel - Todos os direitos reservados